Sie sind auf Seite 1von 44

Português 9.

º Ano
Aulas 12/02/2019

Sumário:
Realização da prova de avaliação da disciplina.
Português 9.º Ano
Aulas 14/02/2019

Sumário:
Introdução ao estudo d’Os Lusíadas, de Camões.
O que é uma epopeia?
Modelos de epopeia: Ilíada, Odisseia e Eneida.
Português 9.º Ano
Aulas 15/02/2019

Sumário:
A contextualização histórica de «Os Lusíadas».
As fontes de Luís de Camões.
Português 9.º Ano
Aulas 19/02/2019

Sumário:
Sistematização de conteúdos sobre as epopeias clássicas.
A epopeia no Renascimento.
Português 9.º Ano
Aulas 12/02/2019

Sumário:
As obras clássicas e o Renascimento.
Página 179
1. Os heróis e as peripécias que protagonizaram tiveram, durante séculos,
enorme popularidade. A Guerra de Troia é a base da ação das suas epopeias
gregas.

2. Não. A Ilíada e a Odisseia nasceram da tradição oral desenvolvida ao longo de


séculos.

3. Virgílio, que viveu no século I a. C., escreveu a epopeia para dar resposta ao
orgulho nacional dos Romanos, pois faltava a Roma uma epopeia capaz de
competir com as epopeias gregas.
4. Ilíada - Aquiles;
Odisseia - Ulisses;
Eneia - Eneias.

4.1. Todos são de alta estirpe social. Aquiles é filho de uma deusa; Ulisses é rei
de Ítaca; Eneias é um príncipe troiano e filho de Vénus.

4.2. Aquiles, quando nasceu, foi banhado por Tétis, sua mãe, no rio cujas águas
davam esse poder a quem nelas mergulhasse. Como a mãe o segurou pelo
calcanhar, só essa parte do corpo era vulnerável.
5. Na ilha de Calipso. Esta ninfa não o deixa partir porque está apaixonada por
ele.

6. Não. A narração das epopeias nunca começa com o início da ação. Na Eneida
começa quando uma tempestade arrasta a armada de Eneias para Cartago, no
Norte de África.

7. Quando Eneias conta a Dido, rainha de Cartago, a guerra de Troia,


nomeadamente a armadilha que Ulisses preparou, para os Troianos meterem na
cidade um cavalo de madeira cheio de guerreiros gregos.
8. Quando Ulisses conta a Alcinoo, rei dos Feaces, a pedido deste, as aventuras
da viagem iniciada há dez anos, até à chegada à ilha de Calipso.

9. Atena protege Ulisses e Telémaco; Posídon faz tudo para o destruir. Apolo
protege os Troianos; Tétis e Vénus protegem os respetivo filhos, Aquiles e
Eneias.

10. Tem um narrador e uma ação, protagonizada por personagens, num espaço
e tempo determinados.
Gramática
1.
1.1. É a c).
Proposição é o nome da parte introdutória de uma epopeia e preposição é
o nome de uma classe de palavras.

1.2. Proposição, propósito, propõe, proposto.

2. Ilíada – Aquiles, cólera, fúnebres, celebrar;


Odisseia – Ulisses, pretendentes, fiéis, regressar;
Eneida – Eneias, missão, apaixonada, fundar.
Português 9.º Ano
Aula 28/02/2019

Sumário:
Uma leitura de «Os Lusíadas».
Textos introdutórios.
Português 9.º Ano
Aulas 01/03/2019

Sumário:
A estrutura de «Os Lusíadas».
O Canto I: a Proposição.
Português 9.º Ano
Aula 07/03/2019

Sumário:
O Canto I: a Proposição (conclusão do estudo).
Português 9.º Ano
Aulas 08/03/2019

Sumário:
O Consílio dos Deuses.
Sistematização de conteúdos.
Português 9.º Ano
Aulas 12/03/2019

Sumário:
O Consílio dos Deuses:
- Personagens envolvidas;
- Argumentos e contra-argumentos usados.
- A decisão final.
Português 9.º Ano
Aulas 12/03/2019

Sumário:
O Consílio dos Deuses:
conclusão do estudo.
A época
- O século XVI é uma época de transformações sociais, económicas e culturais;
- Portugal, após a expansão marítima, torna-se uma potência comercial
europeia;
- Culturalmente, o Renascimento, movimento que teve origem em Itália no
século XIV, assinala a valorização do homem e da razão;
- Paralelamente, o Classicismo retoma os modelos da Antiguidade Clássica e
preconiza a sua imitação;
- A valorização da cultura greco-romana leva ao reconhecimento do género
épico.
O autor
- Luís de Camões terá nascido em 1524 e morrido em 1580;
- Acredita-se que frequentou a Universidade de Coimbra;
- Combateu em Ceuta e, em batalha, perdeu um olho;
- Esteve no Oriente onde se pensa que escreveu Os Lusíadas;
- Recebeu uma tença de D. Sebastião pelo serviço militar prestado à Pátria;
- Morreu na miséria a 10 de junho de 1580.
Português 9.º Ano
Aula 14/03/2019

Sumário:
O Consílio dos Deuses:
Estudo do episódio.
Página 189
1.
1.1. Os heróis que o poeta se propõe dar a conhecer são os homens que se
notabilizaram nos Descobrimentos, os reis que deixaram para o futuro
recordações de glória e todas as personalidades que se distinguiram e, por isso,
nunca serão esquecidas.

1.2. O poeta não se propõe cantar apenas um Herói. Os feitos que se propõe
«espalhar» foram obra de um povo de gente gloriosa.