Sie sind auf Seite 1von 27

Retorno da reflexão/

AVALIAÇÃO

Texto: Planejamento Social


Myriam Veras Baptista
Avaliação
•Não significa o fim do processo de
planejamento;

•Avaliar é tomar partido em relação a uma


realidade analisada;

•Emite a formulação de juízos.


• Momento de maior conteúdo dialético:

fazer analises críticas, levar em consideração


a historicidade e as determinações da
conjuntura com fins de interpretar a realidade,
pôr em questão a proposta, as ações
realizadas, os resultados alcançados e propor
alternativas de superação das dificuldades
Avaliação da eficiência
• Incide diretamente sobre a ação
desenvolvida;

• Reestruturar a ação para obter menor custo,


esforço e melhores resultados
Avaliação da eficácia

• Analisar a ação em relação aos


objetivos e metas estabelecidos;

• Paralelo entre os objetivos expressos no


planejamento e quais foram alcançados
e quais as razões dos êxitos e fracassos
Avaliação da efetividade
• Quais foram os efeitos das ações
realizadas no objeto de intervenção?

• O estudo do impacto do planejado sobre a


situação;

• Verificar a totalidade da ação, com vistas a


superação do problema
Avaliação de Políticas
Públicas e Programas
Sociais
Texto: Maria Ozanira da Silva e e Silva
Avaliação
•Levar em consideração que a avaliação
é parte do processo de gestão pública, e
que se constitui como processo de
políticas públicas.
•Ao afirmar que as políticas públicas se
constituem como processo, equivale
dizer que em seu âmbito elas são
dinâmicas, com negociações,
mobilizações, pressões, coalizão de
interesses.
Sujeitos envolvidos
• Grupos de pressão, movimentos sociais,
organizações da sociedade: tem o papel de
dar visibilidade aos problemas sociais. A mídia
aqui também tem grande importância nesse
momento.
• Partidos políticos ou políticos: a função de
propor e aprovar políticas, programas.
Responsáveis de tomar decisões e fixar
prioridades.
• Administradores e burocratas:
responsáveis pela administração dos
programas sociais.
• Técnicos, planejadores e avaliadores:
são responsáveis pela formulação de
alternativas políticas e execução dos
programas e serviços.
• Judiciário: garantir os direitos dos
cidadãos.
Agenda pública
•é a constituição do problema e a
identificação dele, dessa forma irão ser
selecionados os problemas que ganham
destaque e visibilidade social.
Transformam-se em questão social e
que merecem atenção do poder público
• Formulação de alternativas => o
desenvolvimento de alternativas políticas para o
enfrentamento da questão social
• Escolha de alternativas => a adoção da
política, é o momento decisório. Qual a política
adotada para enfrentamento do problema.
• Implementação da política => é execução dos
programas sociais. É a execução dos serviços
que deve cumprir objetivos e metas e obter os
resultados pretendidos.
•Avaliação, esse é o momento do
ciclo em que o processo de
implementação e o desenho da
política pública são examinados.
O que avaliação?
• Uma forma de pesquisa social, aplicada,
sistemática, planejada e dirigida; destinada
a identificar, obter e proporcionar de
maneira válida e confiável dados e
informação suficiente e relevante para
apoiar um juízo sobre o mérito e o valor dos
diferentes componentes de um programa
[...] (SILVA, 2013, p. 43 apud AGUILAR;
ANDER-EGG, 1994)
A avaliação possui uma Dimensão
política...

•... Porque pode ser considerada como


um instrumento de garantia de exercício
da cidadania no âmbito do controle das
políticas públicas por parte da
sociedade
Dimensão técnica-cientifica...
•Por ser uma forma de pesquisa social, a
avaliação oferece informações de
verificação do cumprimento de objetivos
e impactos ao elencar os critérios de
eficiência, eficácia e efetividade de uma
determinada política.
Funções da avaliação como tipo de
pesquisa avaliativa....
•função técnica, fornece informações para
reparar os desvios no decorrer da
implementação do programa.
•função política, subsidiam informações
para os sujeitos sociais com a finalidade
de fundamentar as lutas sociais e controle
das políticas.
•função acadêmica, revela a
essência da política, a contradição
que envolve o processo de
implementação, afim de aprimorar
conhecimento.
Avaliação ex-ante e ex-post
•Avaliação ex-ante é realizada antes
que se inicie o programa ou projeto.
•As avaliações visam subsidiar o
processo decisório e analisar se é
conveniente a concretude da política.
•A avaliação ex-post:
•Realizada ao longo da implementação e
execução da política ou após sua
conclusão, assim tem por finalidade de
decidir a manutenção ou reformulação
do formato original da política.
Modelos de Avaliação
•O monitoramento;
•a avaliação política da política;
•avaliação de processo;
•avaliação de resultados e impactos.
•O monitoramento tem por objetivo
acompanhar sistematicamente as ações da
política em todo o seu processo de execução,
a fim de garantir o pleno andamento do que
foi planejado. Nesse sentido, tem ação
descritiva e corretiva ao realizar ajustes no
plano de trabalho. Segundo Silva (2013) o
monitoramento não é um modelo de
avaliação, mas está intimamente
relacionado com ele
•análise política da política busca
avaliar princípios e fundamentos, em
desvendar a concordância entre esses
fundamentos com principio da cidadania
e da justiça e com a base de
emergência do problema social a ser
solucionado.
•Avaliação de processo - corresponde
ao acompanhamento da execução de
uma política pública. Sua finalidade é
analisar se a intervenção esta sendo
feita como planejado, se os objetivos
estão sendo cumpridos, se o
cronograma esta sendo seguido, se os
recursos estão sendo usados com
eficiência.
•Para Silva (2013) a avaliação de
resultados e impactos centra-se em
analisar as mudanças quantitativas e
qualitativas das ações políticas sobre as
condições de vida da população
beneficiaria. As mudanças analisadas
para Roche (2000) podem ser
sistemáticas, duradouras, positivas ou
negativas.