Sie sind auf Seite 1von 5

 Relação entre volume não ocupado por partículas sólidas e o volume

total.

 Exemplo: seja uma amostra de solos com volume total VT = 255 cm3,
cujo volume ocupado pelas partículas sólidas é VS = 126 cm3.

(𝑉𝑇 −𝑉𝑆) (255 −126)


𝛼= = = 0,506 (50,6%)
𝑉𝑇 255

 Medida do espaço total disponível para o ar e a água.


 Solo saturado = todo o espaço ocupado pela água;

 Solo seco = todo o espaço ocupado pelo ar.

 Afetada pela compactação (quando um volume maior de matéria


sólida ocupa o mesmo volume total.
 Densidade das partículas (Dp): depende da sua constituição.
Varia pouco de solo para solo, por isso usa-se o valor médio
de 2,65 g/cm3.
𝑚𝑠
𝐷𝑝 = (g/cm3)
𝑉𝑠

 Densidade global (Dg): é uma medida de compactação do


solo. Qto > qtide matéria sólida por unidade de volume total >
Dg.
 Solos arenosos: 1,5 a 2,0 g/cm3.

 Solos argilosos: 1,0 a 1,8 g/cm3.

𝑚𝑠 𝐷𝑔
𝐷𝑔 = (g/cm3) α=1 − (g/cm3)
𝑉𝑇 𝐷𝑝
 Exemplo: se a amostra do exemplo anterior tem uma massa
de matéria sólida ms=335g, a densidade das partículas
Dp=2,65 g/cm3, logo a densidade global será:

𝑚𝑠 335
𝐷𝑔 = = =1,314 g/cm3
𝑉𝑇 255
 Quantidade de água que um solo possui.
 Umidade gravimétrica (Ug): Relação entre a massa de água
(ma) retida por uma massa de sólidos (ms):
𝑚𝑎
𝑈𝑔 = (g/g) ou (%)
𝑚𝑠

 Exemplo: uma amostra de solo possuindo uma massa úmida


de 125,8g e uma massa seca (após 48h em estufa a 105o) de
93,5g, terá uma umidade de:
125,8−93,5
𝑈𝑔 = = 0,345 g/g ou 34,5% ou (%)
93,5
 Umidade volumétrica (Uv): Relação entre o volume de água
(Va) retida por um volume de solo (VT). Como a densidade da
água é igual a 1, Va = ma. Basta então verificar qual o VT que a
ms ocupa no solo.

𝑉𝑎 𝑚𝑎
𝑈𝑣 = = (cm3/cm3) ou (%)
𝑉𝑇 𝑚𝑠/𝐷𝑔

 Exemplo: se no exemplo o solo possui Dg = 1,23, temos:

(125,8 −93,5)
𝑈𝑣 = = 0,4249 cm3/cm3 ou 42,49%
93,5/1,23