Sie sind auf Seite 1von 18

Serviço Público Federal

Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Tucuruí
Redes de Computadores

REDES BLUETOOTH

Turma: T325-1NH
• CAROLINE MONTEIRO
Disciplina: Fundamentos de Redes de
• ELAINE FURTADO
Computadores
• MARCOS PAES
Professora: Lilian Freitas
Tucuruí-Pará
2019
Sumário
 Introdução
 História
 O que é Bluetooth
 Rede Bluetooth
 Alcance Máximo
 Frequência
 Arquitetura
 Protocolos da Tecnologia Bluetooth
 Versões do Bluetooth
 Conclusão
Introdução
A tecnologia Bluetooth é, basicamente, um padrão
para comunicação sem-fio de baixo custo e curto
alcance, através de conexões de rádio. A tecnologia
Bluetooth permite a comunicação sem fio de uma
ampla variedade de dispositivos de computação, de
telecomunicações e eletrodomésticos de uma forma
bastante simples, sem necessidade de cabeamento.
História
Em 1994, a empresa Ericson iniciou um projeto para a
eliminação dos cabos que conectavam os diversos periféricos
dos telefones celulares. A ideia era utilizar ondas de rádio de
baixa frequência para conectar os diferentes dispositivos. A
tecnologia originada pelo projeto da Ericson foi batizada de
MCLink e surpreendeu por ser relativamente barata e de fácil
implementação. No ano de 1997, o promissor projeto atraiu a
atenção de outras empresas, que poderiam também usufruir
desse mecanismo de comunicação em redes. Por esse motivo,
em 1998, houve a criação do Bluetooth SIG (Special Interest
Group) formado pelas companhias Ericsson, Intel, IBM, Toshiba
e Nokia.
História
O nome Bluetooth tem origem no Rei Dinamarquês
Harald Blatand , principal responsável pela união
dos povos então inimigos da região onde hoje se
situam Noruega, Suécia e Dinamarca. Da mesma
forma a tecnologia proporciona a unificação de
variados dispositivos.

O logotipo do Bluetooth é a inião de runas nórdicas


(Hagall) e (Berkanan) correspondentes às letras H e
B no alfabeto latino.
O que é Bluetooth
Bluetooth é um padrão global de comunicação sem fio e de
baixo consumo de energia que permite a transmissão de
dados entre dispositivos, desde que um esteja próximo do
outro.
Rede Bluetooth
Quando dois ou mais dispositivos se comunicam por
meio de uma conexão Bluetooth, eles formam uma
rede denominada piconet. Nessa comunicação, o
dispositivo que iniciou a conexão assume o papel
de master (mestre), enquanto que os demais
dispositivos se tornam slave (escravos).
Alcance Máximo
Para que seja possível atender aos mais variados
tipos de dispositivos, o alcance máximo do
Bluetooth foi dividido em três classes:

Classe 1: potência máxima de 100 mW (miliwatt),


alcance de até 100 metros;
Classe 2: potência máxima de 2,5 mW, alcance de
até 10 metros;
Classe 3: potência máxima de 1 mW, alcance de
até 1 metro.
Frequência
O Bluetooth é uma tecnologia criada para funcionar
no mundo todo, razão pela qual se fez necessária a
adoção de uma frequência de rádio aberta e aceita
em praticamente qualquer lugar do planeta. A
faixa ISM (Industrial, Scientific, Medical), que opera
à frequência de 2,45 GHz, é a que me mais se
aproxima dessa necessidade, sendo utilizada em
vários países, com variações que vão de 2,4 GHz a
2,5 GHz.
Frequência

FH-CDMA (Frequency Hopping — Code-Division


Multiple Access);
FH/TDD (Frequency Hopping / Time Division
Duplex).
Arquitetura
Protocolos da tecnologia
Bluetooth
Protocolos de aplicação
Faz referência ao uso do Bluetooth em si pelos
dispositivos.
Protocolos de middleware
Possibilitam compatibilidade com aplicações já existentes
por meio do uso de protocolos e padrões de outras
entidades, entre eles, o IP (Internet Procotol), o WAP
(Wireless Application Procotol), o PPP (Point-to-Point
Protocol) e o OBEX (Object Exchange).
Protocolos da tecnologia
Bluetooth
Protocolos de transporte
responsáveis pela gerência de links lógicos e físicos para
as camadas superiores e a localização de outros
dispositivos com a mesma especificação. São divididos,
basicamente, nas seguintes camadas:

RF (Radio Frequency): camada que lida com os aspectos


relacionados ao uso de radiofrequência.
- RF transceiver: detector de dados e sintetizador de rádio
frequência;
- RF front-end: elemento responsável pela troca de estados
entre receptor e emissor;
Protocolos da tecnologia
Bluetooth
Baseband: camada que determina como os dispositivos
localizam e se comunicam com outros aparelhos via
Bluetooth - frequência de rádio;
LMP (Link Manager Protocol): responde por aspectos
da comunicação em si, lidando com parâmetros de
autenticação, taxas de transferência de dados,
criptografia, níveis de potência e etc;
Protocolos da tecnologia
Bluetooth
HCI (Host Controller Interface): interface de
comunicação com hardware Bluetooth responsável pelo
código de processamento dos códigos de alto nível;
L2CAP (Logical Link Control and Adaptation
Protocol): serve de ligação com camadas superiores e
inferiores, lida com parâmetros de QoS (Quality of
Service - Qualidade de Serviço), entre outros;
Antena: responsável pela transmissão do sinal.
Versões Bluetooth
Bluetooth 1.0 e 1.0B(1999)
Bluetooth 1.1 e 1.2(2001-2003)
Bluetooth 2.0(2004)
Bluetooth 2.1(2007)
Bluetooth 3.0(2009)
Bluetooth 4.0(Lançado em dezembro de 2009)
Bluetooth LE — Ou Bluetooth Low Energy(2010)
Bluetooth 4.1(2013)
Bluetooth 4.2(2014)
Bluetooth 5(2016)
Conclusão

Assim como outras tecnologias, o Bluetooth vem


sofrendo modificações e melhorias ao longo dos
anos. Desde sua criação a tecnologia tem tido papel
fundamental para a conectividade de dispositivos
eletrônicos.
Referências
https://adrenaline.uol.com.br/2016/12/12/44029/-update-quais-os-beneficios-do-
bluetooth-5-0-e-as-evolucoes-da-tecnologia-durante-os-anos/

https://www.celulardireto.com.br/o-que-e-e-como-utilizar-a-tecnologia-bluetooth/

https://www.gta.ufrj.br/grad/09_1/versao-final/bluetooth/Page706.htm

https://hypescience.com/bluetooth-recebeu-este-nome-por-causa-de-um-rei-escandinavo-
de-mil-anos-atras/

https://www.infowester.com/bluetooth.php

http://www.teleco.com.br/tutoriais/tutorialblue/pagina_1.asp

https://pt.wikipedia.org/wiki/Bluetooth